Vigilante no Combate a Dengue

Posted by:

VIGILANTE NO COMBATE A DENGUE

O Sindseg pede á todos os Vigilantes que participem e colaborem na     Prevenção e Combate a Dengue, Chikungunya e Zica vírus, vamos acabar com os criadouros em nossas residências e postos de trabalho, com uma ação tão simples podemos salvar muitas vidas, pois a “Dengue Mata”. Estamos mobilizando á todos para combater o mosquito Aedes Aegypti,  vamos vistoriar nossos quintais e postos de trabalho e eliminar qualquer tipo de água parada. Não podemos ficar parados, vamos fazer nossa parte.dengue-combate

 

“Combater a Dengue é um dever de todos”

Sintomas da Dengue:

A infecção por dengue pode não ter sintomas, ser leve ou causar doença grave, levando à morte. Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta (39° a 40°C), de início abrupto, que geralmente dura de 2 a 7 dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e coceira na pele.

Perda de peso, náuseas e vômitos são comuns. Na fase febril inicial da doença pode ser difícil diferenciá-la. A forma grave da doença inclui dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes, sangramento de mucosas, entre outros sintomas.

Sintomas do Chikungunya:

Os principais sintomas são febre alta de início rápido, dores intensas nas articulações dos pés e mãos, além de dedos, tornozelos e pulsos. Pode ocorrer ainda dor de cabeça, dores nos músculos e manchas vermelhas na pele. Não é possível ter Chikungunya mais de uma vez. Depois de infectada, a pessoa fica imune pelo resto da vida. Os sintomas iniciam entre dois e doze dias após a picada do mosquito. O mosquito adquire o vírus ao picar uma pessoa infectada, durante o período em que o vírus está presente no organismo infectado. Cerca de 30% dos casos não apresentam sintomas.

Sintomas do Zica Vírus:

Cerca de 80% das pessoas infectadas pelo vírus Zika não desenvolvem manifestações clínicas. Os principais sintomas são dor de cabeça, febre baixa, dores leves nas articulações, manchas vermelhas na pele, coceira e vermelhidão nos olhos. Outros sintomas menos frequentes são inchaço no corpo, dor de garganta, tosse e vômitos. No geral, a evolução da doença é benigna e os sintomas desaparecem espontaneamente após 3 a 7 dias. No entanto, a dor nas articulações pode persistir por aproximadamente um mês. Formas graves e atípicas são raras, mas quando ocorrem podem, excepcionalmente, evoluir para óbito, como identificado no mês de novembro de 2015, pela primeira vez na história.

Quando aparecer os sintomas, é importante procurar um serviço de saúde mais próximo, fazer repouso e ingerir     bastante líquido. Importante não tomar medicamentos por conta própria.

Qualquer duvida procure a Secretaria de Saúde de seu Município ou através do Disque Saúde :

Disque Saúde

 

0